Acupuntura Energética na Gravidez - Trimestre a trimestre

Publicado por em 10/10/2017 às 09h53

gravidezA Acupuntura durante a gravidez promove vários benefícios, tanto para a gestante quanto para o bebê, no último Congresso Nacional de Acupuntura e Moxabustão que aconteceu em julho de 2017 eu ministrei uma palestra sobre estes benefícios em cada trimestre, como que, através da medicina chinesa, podemos acompanhar e apoiar este momento tão especial da vida da mulher.

A expressão do elemento Água é o que mais representa a gestação por ter em sua simbologia a ancestralidade e a capacidade de adaptação diante da vida, a mulher grávida está plena de sua feminilidade, fazendo uso dos atributos que lhe são característicos, na visão da medicina chinesa - o Yin – nutrição, recolhimento, espera, adaptabilidade, sendo assim quanto melhor estado esteja toda a energia do elemento água melhor a mulher está para passar por este caminho, beneficiando o feto também.

 No primeiro trimestre são necessários cuidados com o útero visando promover uma boa circulação para que a nidação ocorra, o útero é como um cálice do sagrado, se seu sangue estiver bom, a nidação acontece de forma tranquila. A ancestralidade e seu potencial energético podem ser sempre observados, poupados e enriquecidos através das sessões de acupuntura, manter esta energia forte promove saúde para a mãe e força ao feto para que ele seja capaz de iniciar sua jornada de maneira plena.

Neste momento é desejado que a mãe não se exceda no trabalho e tão pouco realize atividade física intensa, atitudes contrárias podem gerar desgastes energéticos desnecessários, este é um momento de recolhimento e não de dispersar energia, alimentos que causam esta dispersão também devem ser evitados, como os picantes, os defumados e as carnes cruas. Neste período estão sendo gerados os meridianos que tem relação com a maneira como vamos lidar com os desafios, como vamos nos relacionar com a vida, com os acontecimentos da vida, assim sendo é valioso que a mãe evite emoções muito fortes, não temos como evitar os fatos da vida, situações do cotidiano que nos causam emoções, mas podemos e devemos evitar emoções desnecessárias, notícias ruins nos noticiários, envolvimento com problemas de outras pessoas, este é um momento para ocupar-se com seus próprios desafios.

No início do segundo trimestre formasse a energia relacionada à preservação da vida, à representação física do seu espírito, o acupunturista deve cuidar da energia ancestral da mãe e ela deve consumir canja, sopas de peixe e bastante arroz; a variação de sabores é valiosa na alimentação e também percorrer caminhos diferentes a pé, pois é a partir daqui que se forma a capacidade de distinguir prazeres diferentes na vida juntamente com a força e capacidade de contração muscular do bebê. Cuidar de sua energia geral é importante por que é um período com menos incômodos e a mãe geralmente está bem ativa e criativa.

No terceiro trimestre o maior foco é a preparação para o parto, ajudar no posicionamento do bebê, conservar sua energia e promover saúde para que o parto aconteça de maneira branda e natural, cuidar dos desconfortos e dores que podem aparecer no fim da gestação.

Um trabalho magnífico é o acompanhamento do parto, favorecendo todo o processo e promovendo analgesia de forma natural, sem medicamentos.

A acupuntura é uma aliada importante para a gestante e para o bebê que está se formando, mantém a mãe tranquila, o bebê sadio, muitas vezes elimina a ingestão de medicamentos, acompanhando e acolhendo a mãe em um momento de tantas mudanças.

Acesse o link dos slides da palestra:

 http://www.acupunturaenergetica.com.br/aulas-e-slides/palestra-xviii-conam-acupuntura-na-gravidez.html

Procure um acupunturista especializado!

Até a próxima

Flavia

Categoria: Medicina Tradicional Chinesa

Enviar comentário

voltar para Blog da Flavia

show normalcase tsN left fwR|show tsN left fwR|left fwR show|bsd b01|||news c10 fwB fsN|normalcase uppercase fwB c10|b01 c05 bsd|login news normalcase uppercase fwB c10|tsN normalcase uppercase c10 fwB|normalcase uppercase c10|content-inner||